O IPq dispõe de vagas para tratamento gratuito de pacientes voluntários, em diferentes grupos/projetos de pesquisa:

Voluntários com compulsão alimentar  – Projeto de pesquisa sobre compulsão alimentar, desenvolvido por pesquisador do Programa de Transtornos Alimentares do IPq, está triando pacientes voluntários de 18 a 65 anos, que apresentem transtorno da compulsão alimentar,  sobrepeso ou obesidade (IMC ? 27 kg/m2 e < 45 kg/m2), e que não tenham realizado cirurgia bariátrica nos últimos 24 meses. O paciente aceito participará de sessões de tratamento em grupo on-line gratuitas. Para mais informações e inscrições, acessar e preencher o formulário no link:  https://redcap.hc.fm.usp.br/surveys/?s=YRAHHHRRLY

IPq dispõe de nova modalidade de tratamento para depressão – O Serviço Interdisciplinar de Neuromodulação (SIN) do IPq dispõe de vagas para colaboradores do Complexo HCFMUSP, de 18 a 65 anos, que apresentem depressão unipolar, para nova modalidade de tratamento com estimulação magnética transcraniana (EMT), que consiste na aplicação de EMT durante 4 semanas (entre 5 e 10 sessões), com tempo de 3 minutos cada sessão. Os pacientes farão exame de ressonância magnética (RM) ao iniciar o tratamento e também no final, ao completar o número de sessões indicadas.

Todos os pacientes aceitos receberão tratamento com EMT. Esta nova modalidade, com aplicações em sessões de 3 minutos cada, será comparada com a tradicional, que é de 30 minutos. Além disso, por meio da RM, a equipe liderada pelo Dr. André Brunoni pretende observar as alterações e resultados produzidos. Serão aceitos voluntários com depressão de moderada gravidade, que estejam ou não em tratamento com antidepressivos.  Para se inscrever, preencher formulário on-line: https://redcap.link/estimulacaomagnetica

A EMT é uma técnica não invasiva, indolor, segura e eficaz, já aprovada no Brasil para tratamento da depressão. Consiste na geração de um campo magnético potente e focalizado, por meio de uma bobina posicionada sobre pontos determinados da cabeça, que podem ativar ou desativar algumas regiões do cérebro, atuando nos mecanismos da doença.  

IPq busca pessoas com depressão para novo tratamento, que o paciente fará em sua própria residência O Serviço Interdisciplinar de Neuromodulação (SIN) do IPq busca pacientes voluntários de 18 a 59 anos, que apresentem depressão unipolar, para participar de estudo que testará a eficácia de uma nova forma de tratamento, por meio de estimulação transcraniana por corrente contínua portátil (ETCC), combinada com intervenções psicoeducacionais on-line por meio de aplicativo, a ser baixado em celular.

O paciente aceito terá acesso a um aparelho portátil de ETCC (fotos abaixo) que levará para casa pelo período de 6 semanas, realizando 21 sessões de ETCC de 30 minutos cada. Assim, o paciente poderá realizar a aplicação nos momentos mais adequados para ele, no conforto de sua casa, com aparelho simples, seguro e eficaz. Necessário que o voluntário possua celular smartphone/android, com acesso à internet.

A ETCC funciona por meio de uma corrente elétrica de baixa intensidade. É indolor, não invasiva e tem o efeito de estimular determinadas áreas do cérebro relacionadas à depressão.

Coordenado pelo Dr. Andre Brunoni, o estudo pretende testar a viabilidade e eficácia da ETCC juntamente com as intervenções psicoeducacionais, bem como do uso do aparelho em casa, que pode ser um grande diferencial para que mais pessoas tenham acesso ao tratamento da depressão. Para se inscrever, preencher formulário on-line: https://redcap.link/etcc

Voluntários com depressão refratária (resistente a tratamento com antidepressivos) – Grupo do IPq busca pacientes voluntários (homens e mulheres), de 18 a 60 anos, que apresentem depressão refratária (sintomas persistentes, mesmo após tratamento com antidepressivos, por tempo adequado), para estudo no qual será oferecido tratamento por meio de Eletroconvulsoterapia (ECT), que consiste na aplicação de um estímulo elétrico no cérebro, indolor e administrado sob leve anestesia, que age sobre os neurotransmissores cerebrais. Procedimento controlado e seguro, a ECT produz bons resultados para pacientes que não melhoram da depressão com as medicações, ou que não possam fazer uso de medicamentos, como gestantes e idosos.  Os pacientes aceitos também passarão por exames de imagem (ressonância magnética), neuropsicológico e laboratoriais. Os interessados podem preencher formulário de inscrição para triagem acessando o link: https://redcap.hc.fm.usp.br/surveys/?s=LCK77HKCN9 e aguardar retorno do grupo. 

Voluntários saudáveis – Grupo do IPq busca pessoas maiores de 18 anos, que não tenham diagnóstico de transtornos psiquiátricos, para participar como grupo controle (comparação) de estudo com pacientes que apresentam depressão refratária (resistente a tratamento com antidepressivos). Os interessados podem se inscrever pelo e-mail para contato.bioect@gmail.com

Voluntários com depressão, a partir de 60 anos – Serviço Interdisciplinar de Neuromodulação (SIN) busca homens e mulheres, a partir de 60 anos, que apresentem diagnóstico de depressão e tenham disponibilidade em comparecer ao IPq durante 20 (vinte) dias úteis seguidos, e depois uma vez por semana, durante três meses, para estudo no qual será oferecido tratamento por meio de estimulação magnética transcraniana (EMTr), técnica não invasiva, que utiliza campos magnéticos para estimular pequenas regiões do cérebro. Obs.: Necessário nunca ter feito tratamento com EMTr anteriormente. Não serão aceitos pacientes com demências. Acesse o link para assistir o vídeo:  Projeto SIN Idosos com depressão 60 anos – Inscrições para triagem pelo e-mail: pesquisa.neuropsiquiatria@gmail.com

Mulheres com depressão – Programa de Transtornos do Humor (ProGruda) busca mulheres de 18 a 39 anos, portadoras de transtornos depressivos unipolares, para tratamento e participação em projeto de pesquisa – coordenação: Dr. Fernando Fernandes. Para se inscrever, preencher o formulário no site: https://grudacom.wordpress.com/

Pessoas com TOC que não estejam em tratamento medicamentoso ou psicoterápico – voluntários de 18 a 50 anos, portadores de TOC – transtorno obsessivo-compulsivo, que não estejam em tratamento medicamentoso ou psicoterápico, para estudo no qual o paciente receberá  acompanhamento psiquiátrico e passará por avaliação clínica, teste neuropsicológico e exame de ressonância magnética do cérebro. Informações detalhadas e inscrições para triagem, acesse: https://global-ocd.org/sao-paulo-brazil/Irmãos de pessoas com TOC – Este estudo também busca irmãos/irmãs dos pacientes com TOC, de 18 a 50 anos, que não apresentem TOC ou qualquer outro transtorno psiquiátrico, para aprofundar os conhecimentos sobre como funciona o cérebro de pessoas com TOC em comparação com o cérebro de indivíduos saudáveis. Será fornecida ajuda de custo para transporte e alimentação, bem como declaração de comparecimento e resultados dos exames realizados (avaliação clínica, teste neuropsicológico e ressonância magnética do cérebro). Informações detalhadas e inscrições para triagem, acesse: https://global-ocd.org/sao-paulo-brazil/

Transtorno hipersexual – O Ambulatório de Impulso Sexual Excessivo e de Prevenção aos Desfechos Negativos associados ao Comportamento Sexual dispõe de vagas para homens e mulheres, de 18 a 65 anos, que queiram participar de pesquisa on-line sobre os riscos sexuais no período da pandemia COVID-19 para indivíduos que apresentam transtorno hipersexual, caracterizado pelo comportamento sexual descontrolado, frequente e repetitivo, mantido apesar dos possíveis desfechos negativos. As pessoas com transtorno hipersexual podem apresentar níveis elevados de ansiedade durante a pandemia, o que pode influenciar o comportamento sexual, aumentando a intensidade do comportamento hipersexual e as chances de exposição a infecções sexualmente transmissíveis. Para participar  envie e-mail para aisep.ipq@hc.fm.usp.br com o título #PESQUISA_RISCOS_SEXUAIS e o seu telefone de contato. Um link será enviado para o seu WhatsApp – basta clicar e acessar o questionário on-line. 

Homens com comportamento sexual compulsivo – O Ambulatório de Impulso Sexual Excessivo e Desfechos Negativos Associados ao Comportamento Sexual do IPq busca pessoas do sexo masculino, a partir de 18 anos, que apresentem comportamento sexual compulsivo, para estudo no qual será oferecido tratamento gratuito por meio de prática de intervenção mente-corpo (tratamentos complementares e integrativos como acupuntura,  tai chi chuan, yoga, meditação, mindfulness e biofeedbach, entre outros). Será testada a eficácia da prática de intervenção mente-corpo para diminuir a sintomatologia da compulsividade sexual e reduzir a gravidade da impulsividade e hipersexualidade. Em razão da pandemia, o atendimento será por videochamada (smartphone/PC/IPad). Inscrições para triagem e informações detalhadas, enviar e-mail para: aisep.ipq@hc.fm.usp.br – colocar no corpo do e-mail o assunto: Estudo mente-corpo.

Voluntários com insônia crônica – O Ambulatório do Sono do IPq/ASONO está com vagas abertas para pacientes voluntários (homens e mulheres) de 18 e 59 anos, interessados no tratamento não farmacológico, sem o uso de medicações, que apresentam queixas frequentes de dificuldade de adormecer, despertar noturno e acordar precocemente e sono não restaurador. O programa será composto por 6 sessões ON-LINE de terapia comportamental que  serão realizadas em grupos via plataforma Zoom. Antes da entrada no programa, é necessário checar a elegibilidade por meio de respostas a questionários online e entrevista agendada com profissional. Acessar o link:https://redcap.hc.fm.usp.br/surveys/?s=METWPJ7C9L e preencher as informações solicitadas.

Pacientes em primeiro episódio psicótico (PEP) – O Grupo de Psicoses do LIM27 busca pacientes voluntários de 15 a 45 anos, que estejam sofrendo de um primeiro episódio psicótico (com menos de seis meses do início dos sintomas psicóticos), para acompanhamento em novo projeto de pesquisa. Os voluntários passarão por entrevista clínica, coleta de exames laboratoriais e de ressonância magnética e também poderão ter seguimento ambulatorial em nosso grupo. Deverão ter residência fixa na região da Grande São Paulo e acompanhante que possa estar presente durante o seguimento. Para informações e encaminhamento de pacientes que preencham os critérios, solicitamos a gentileza de preencher o formulário encontrado neste link (http://bit.ly/triagempep) ou entrar em contato de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, pelo tel. (11) 2661-6959 (falar com Amanda, secretária) ou por e-mail (luciano.sanchez@hc.fm.usp.br). Coordenação: Drs. Maurício Serpa, Luciano Sanchez e Martinus van de Bilt.

Gestantes e mulheres no pós-parto, com depressão – Programa de Saúde Mental da Mulher (ProMulher) dispõe de vagas para gestantes de 18 a 45 anos, com quadros de depressão e ansiedade, e mulheres até o 6º mês do período pós-parto, de 18 a 45 anos, com quadro de depressão pós-parto. Informações e agendamento de triagem pelo tel. 11 2661-6440.

Mulheres dependentes químicas – Programa da Mulher Dependente Química (PROMUD), dispõe de vagas para maiores de 18 anos, que apresentem dependência de álcool e/ou outras drogas, para tratamento em ambulatório específico para mulheres. O tratamento inclui atendimento médico/psiquiátrico, psicoterapia de grupo, atendimento nutricional e aconselhamento com advogados. Inscrições e informações fone: (11) 3082-1876, somente de segunda a quinta-feira, entre 08h00 e 11h00. Mais informações sobre o ambulatório: www.mulherdependentequimica.com.br

TOC – Programa de Transtorno Obsessivo-Compulsivo (Protoc), busca pessoas com Transtorno Obsessivo-Compulsivo/TOC que não estejam em tratamento medicamento ou psicoterápico – Homens e mulheres de 18 a 50 anos. Os pacientes aceitos receberão acompanhamento psiquiátrico e passarão por avaliação clínica, teste neuropsicológico e exame de ressonância magnética do cérebro. Irmãos de pessoas com TOC. Este estudo também busca irmãos/irmãs dos pacientes com TOC, de 18 a 50 anos, que não apresentem TOC ou qualquer outro transtorno psiquiátrico para aprofundar os conhecimentos sobre como funciona o cérebro de pessoas com TOC em comparação com o cérebro de individuais saudáveis. Será fornecida ajuda de custo para transporte e alimentação, bem como declaração de comparecimento e resultado dos exames realizados (avaliação clínica, teste neuropsicológico e ressonância magnética do cérebro). Informações detalhadas e inscrições para triagem, acesse o link:  https://global-ocd.org/sao-paulo-brazil/

Epilepsia- Grupo de Estudo em Epilepsia está com triagens abertas para homens e mulheres, da infância à fase adulta, que apresentem os seguintes tipos de epilepsia: epilepsia mioclônica juvenil e epilepsia de lobo temporal. Informações completas e inscrições no site: www.epilepsiahc.org ou tel. 11 2661-6518.

Esquizofrenia – pacientes resistentes a clozapina – Programa de Esquizofrenia (Projesq), busca pacientes voluntários de 18 a 59 anos, com diagnóstico de esquizofrenia e que estejam em tratamento com clozapina há pelo menos seis meses, sem resposta satisfatória ao tratamento, ou seja, pacientes considerados resistentes a clozapina. Informações e inscrições pelo e-mail: josynacarato@gmail.com ou tel. (11) 2661- 6971.

Transtorno do Jogo – Programa Ambulatorial do Jogo (PRO-AMJO), busca pessoas maiores de 18 anos, que apresentem compulsão por jogos de azar, a ponto de prejudicar seu trabalho, finanças ou relacionamentos. Inscrições para triagem pelos tels. (11) 2661-7805, (11) 99004-6247 ou e-mail: proamjo.secretaria@gmail.com – Atendimentos às quintas-feiras, no período da manhã e tarde.

Transtorno de escoriação– Ambulatório Integrado dos Transtornos do Impulso (PRO-AMITI), dispõe de vagas para homens e mulheres maiores de 18 anos, que apresentem transtorno de escoriação, síndrome que leva as pessoas a cutucarem a pele compulsivamente, provocando lesões em diferentes graus, em várias partes do corpo. Os interessados podem se inscrever para triagem pelo fone (11) 2661-7805; (11) 99004-6247 ou e-mail: proamiti.secretaria@gmail.com – Atendimentos às quintas-feiras, no período da manhã e tarde.

Compra compulsiva– Ambulatório Integrado dos Transtornos do Impulso (PRO-AMITI), Pessoas maiores de 18 anos, que apresentem comportamento repetitivo e crônico de gastar descontroladamente. Esses indivíduos também podem apresentar outros transtornos associados, como ansiedade, depressão e transtorno bipolar. Informações e inscrições tel. (11) 2661-7805; (11) 99004-6247 ou e-mail: proamiti.secretaria@gmail.com – Atendimentos às quintas-feiras, no período da manhã.

Furto impulsivo (cleptomania) – Transtorno caracterizado pelo furto impulsivo de objetos desnecessários, geralmente para uso pessoal e de baixo valor monetário. O tratamento oferecido é individual, reservado e inclui psicoterapia e medicamentos. Informações e inscrições pelo tel. (11) 2661-7805; (11) 99004-6247 ou e-mail: proamiti.secretaria@gmail.com – Atendimento às quintas-feiras, no período da manhã.

Amor patológico – Pessoas maiores de 18 anos, que vivenciem um relacionamento destrutivo, caracterizado pela atenção e cuidado excessivos com o parceiro, sem controle e sem liberdade de escolha, no qual o indivíduo é objeto prioritário na vida da pessoa, em detrimento de outros interesses antes valorizados. Informações e inscrições pelo tel. (11) 2661-7805; (11) 99004-6247 ou e-mail: proamiti.secretaria@gmail.com – Atendimento às quintas-feiras no período da manhã.

Ciúme patológico – Pessoas maiores de 18 anos, que percebam que seu ciúme prejudica o relacionamento amoroso de alguma forma, sendo motivo de brigas ou discussões, com queixas e reclamações sobre o ciúme excessivo do/a parceiro/a. Informações e inscrições tel. (11) 2661-7805; (11) 99004-6247 ou e-mail: proamiti.secretaria@gmail.com – Atendimentos às quintas-feiras, no período da manhã.

Automutilação – Pessoas maiores de 18 anos, que pratiquem autolesão, sem ideação suicida. Informações e inscrições tel. (11) 2661-7805; (11) 99004-6247 ou e-mail: proamiti.secretaria@gmail.com – Atendimentos às quintas-feiras, no período da manhã.

Transtorno explosivo intermitente (pavio curto) – Homens e mulheres maiores de 18 anos, que apresentem episódios de explosões de raiva recorrentes. Informações e inscrições tel. (11) 2661-7805; (11) 99004-6247 ou e-mail: proamiti.secretaria@gmail.com – Atendimentos às quintas-feiras, no período da manhã.

Tricotilomania – Pessoas maiores de 18 anos, que apresentem compulsão por arrancar cabelos e/ou outros pelos do corpo. Informações e inscrições tel. (11) 2661-7805; (11) 99004-6247 ou e-mail: proamiti.secretaria@gmail.com – Atendimentos às quintas-feiras, no período da manhã.

Impulso sexual excessivo – Homens e mulheres maiores de 18 anos, que apresentem comportamento sexual impulsivo. Informações e inscrições tel. (11) 2661-7805; (11) 99004-6247 ou e-mail: proamiti.secretaria@gmail.com – Atendimentos às sextas-feiras, no período da manhã.

Dependência tecnológica – Homens e mulheres maiores de 18 anos, que passem horas excessivas conectados à internet, em detrimento da vida social, família, trabalho, etc. Informações e inscrições tel. (11) 2661-7805; (11) 99004-6247 ou e-mail: proamiti.secretaria@gmail.com – Atendimentos às quintas-feiras, no período da manhã.

Dependência de comida – Homens e mulheres maiores de 18 anos, com comportamento alimentar compulsivo. Informações e inscrições tel. (11) 2661-7805; (11) 99004-6247 ou e-mail: proamiti.secretaria@gmail.com – Atendimentos às quintas-feiras, no período da manhã.

Voluntários saudáveis – Grupo do IPq busca pessoas maiores de 18 anos, que não tenham diagnóstico de transtornos psiquiátricos, para participar como grupo controle (comparação) de estudo com pacientes que apresentam depressão refratária (resistente a tratamento com antidepressivos). Os interessados podem se inscrever pelo e-mail para contato.bioect@gmail.com

Voluntários saudáveis – Pessoas a partir de 18 anos, que não apresentem transtornos psiquiátricos, não tenham queixas de problemas de memória e não estejam fazendo uso de medicações psicoativas, para participar de estudo cujo um dos aspectos é a comparação entre pessoas saudáveis e pacientes com doença de Alzheimer, transtorno bipolar, esquizofrenia e outras. Os voluntários virão ao IPq apenas duas vezes e receberão ajuda de custo para transporte e lanche. Informações e inscrições pelos fones: (11) 2661-7283 (com Daniela); (11) 2661-6959 (com Amanda).

Voluntários saudáveis para pesquisa em neurociências – Pessoas de 18 a 50 anos, sem transtornos psiquiátricos, que não tenham parentes de primeiro grau (pai, mãe ou irmãos) com diagnóstico de esquizofrenia; que não apresentem históricos de doenças neurológicas e de abuso de álcool ou drogas, para participar de estudo sobre como o cérebro processa imagens e linguagem. O voluntário realizará exame de eletroencefalografia (EEG), que registrará a atividade cerebral. O EEG é um exame tradicional e amplamente realizado, não invasivo e indolor. O estudo tem o objetivo de aprofundar o entendimento sobre como funciona o cérebro de pacientes com esquizofrenia em comparação ao cérebro de pessoas sem transtornos psiquiátricos. Os participantes receberão ajuda de custo para transporte e lanche, além de ver sua própria atividade cerebral. Para se inscrever, preencher formulário acessando o link: https://cutt.ly/wbjbGRF

Pacientes com diagnóstico de esquizofrenia – O Serviço Interdisciplinar de Neuromodulação do IPq busca homens e mulheres de 18 a 55 anos, que tenham diagnóstico de esquizofrenia, para estudo no qual será testado novo tratamento para os sintomas negativos da doença, por meio de fotoneuromodulação, técnica não  invasiva, indolor e sem efeitos colaterais, que funciona por meio de luzes de LED  posicionadas na cabeça do paciente. Os voluntários serão submetidos também a ressonância magnética antes e após o procedimento de fotoneuromodulação. Inscrições para triagem somente pelo e-mail: pesquisa.esquizofrenia@gmail.com